• Notícias
  • Clube
  • Futebol
  • Serviços
  • Clube de Vantagens
  • Inter Store
    Associe-se

    Raio-X: tudo sobre o duelo contra o Botafogo

    Para defender a liderança! Primeiro colocado no Brasileirão, o Inter enfrenta o Botafogo, neste sábado (29/08), no Rio de Janeiro, em partida da sexta rodada do Nacional. O confronto ocorre a partir das 17h, no Estádio Nilton Santos, e vale, para o Clube do Povo, a manutenção da ponta da tabela. Para ficar por dentro de tudo sobre o duelo confira, abaixo, o nosso Raio-X!


    Pra cima deles, Colorado!

    O último treino da equipe colorada foi realizado na tarde desta sexta-feira (28/08), no CT Parque Gigante. Eduardo Coudet orientou trabalhos técnicos e táticos no gramado, ajustando os últimos detalhes do time que entrará em campo no Rio de Janeiro. O argentino não poderá contar com os atacantes Guerrero, Pottker e Yuri Alberto, lesionados, além de Peglow e Lucas Ribeiro, que estão com covid e, portanto, afastados das atividades.

    O Clube do Povo assumiu a liderança do Brasileirão na rodada passada, quando superou, no Beira-Rio, o Atlético-MG. Disputado no último sábado (22/08), o duelo entre Saci e Galo teve Thiago Galhardo como artilheiro solitário. O triunfo foi o quarto do Inter em cinco jogos válidos pelo torneio.

    Dono de 12 pontos no Brasileirão 2020, o Colorado soma dois a mais do que o Vasco, vice-líder que também vai a campo neste sábado (28/08), quando visita o Fluminense, no Maracanã. Caso supere o Botafogo, o Inter garantirá a manutenção da primeira colocação. Se empatar no Nilton Santos, o Clube do Povo pode ser ultrapassado pelo time de São Januário e também pelo São Paulo, que recebe, na manhã de domingo, o Corinthians. Em caso de revés, o time de Coudet corre risco de ser alcançado, ainda, pelo Atlético-MG.


    O rival

    O Botafogo, 11º colocado, ainda não foi derrotado no Brasileirão 2020. Comandado por Paulo Autuori, o Alvinegro soma uma vitória, sobre o Galo, e três empates, contra Red Bull Bragantino, Fortaleza e Flamengo. O time da estrela solitária disputou apenas quatro rodadas, consequência do adiamento de sua estreia, que ocorreria frente ao Bahia, uma vez que o Tricolor estava envolvido na decisão do Campeonato Baiano.

    A última partida disputada pelo Fogo, todavia, não valeu pelo Brasileirão. Pela terceira fase da Copa do Brasil, o time carioca visitou, na quarta-feira passada (26/08), o Paraná. Em vantagem no agregado após vitória de 1 a 0 conquistada nos primeiros 90 minutos, realizados ainda no mês de março, a equipe de Autuori superou os mandantes por 2 a 1. Danilo Barcelos e Marcelo Benevenuto marcaram para o Alvinegro, que foi a campo com Gatito; Kevin, Marcelo, Kanu, Forster e Guilherme Santos (Danilo); Caio Alexandre, Honda (Luiz Otávio) e Bruno Nazário (Matheus Babi); Luis Henrique (Rhuan) e Pedro Raul. Para o embate diante do Inter, a grande expectativa da torcida botafoguense recai sobre a possível estreia do experiente atacante Salomon Kalou, que já está registrado no BID.

    Atacante Kalou durante treino do Botafogo/Foto: Vitor Silva, Botafogo

    Arbitragem

    Thiago Duarte Peixoto apita, auxiliado por Danilo Ricardo Simon Manis e Miguel Caetano Ribeiro da Costa. VAR: Jose Claudio Rocha Filho. Quarteto paulista.


    Transmissão

    Respeitando os rígidos e necessários protocolos estabelecidos pelas autoridades responsáveis contra a propagação do novo coronavírus, o duelo entre Botafogo e Inter será disputado com portões fechados. De longe, porém, enviaremos nosso apoio para os comandados de Coudet, que lutarão por nova vitória no Campeonato Nacional. Para acompanhar o jogo torcendo, é claro, não existe alternativa melhor do que a Rádio Colorada, que contará com programação especial neste sábado!

    A emissora oficial do Clube do Povo estará ao vivo a partir das 14h com a apresentação do programa ‘Velhas Súmulas’. Na sequência, às 16h, tem início o Portões Abertos, pré-jogo legitimamente alvirrubro. Depois, às 16h45, será aberta a jornada da partida, sucedida, até as 20h, pelo ‘Vestiário Vermelho’, responsável por repercutir todos os detalhes do embate. Você acompanha toda a cobertura através via Site ou APP do Inter!

    Clique aqui para fazer o download do APP do Inter para Android

    Clique aqui para fazer o download do APP do Inter para IOS

    As redes sociais do Inter (@scinternacional no TwitterInstagram Facebook) contarão, como de costume, com o mais completo minuto a minuto da internet, repleto de imagens compartilhadas de maneira instantânea. Na TV, o Premiere anuncia transmissão.


    Palco grandioso

    Construído para os Jogos Pan-Americanos de 2007, o Estádio Nilton Santos foi erguido pela prefeitura do Rio de Janeiro no bairro do Engenho de Dentro, localizado na Zona Norte da capital carioca. No mesmo ano, o Botafogo venceu licitação realizada pela poder municipal e passou a mandar seus jogos no local, além de administrá-lo e explorá-lo comercialmente.

    Panorama do Nilton Santos/Foto: Site Botafogo

    Apelidado Engenhão em referência ao bairro em que se encontra, o Estádio leva o nome de Nilton Santos desde 2015, em uma justa homenagem àquele que foi considerado por muitos o maior lateral-esquerdo do século XX. Atualmente, o local, muito utilizado nas Olimpíadas de 2016, tem capacidade para receber 46 mil pessoas.


    Retrospecto colorado

    Eterno capitão colorado, Fernandão disputa a posse contra a defesa botafoguense

    Inter e Botafogo já se enfrentaram em 74 ocasiões na história. O Clube do Povo soma 26 triunfos, contra 21 dos cariocas. Ocorreram, ainda, 27 igualdades. Positivo, o histórico colorado foi construído através de 95 gols marcados – os rivais já balançaram as redes 93 vezes.


    Vitória no último encontro

    O último encontro entre Alvirrubro e Alvinegro aconteceu no dia 30 de novembro de 2019. Válido pela 36ª e antepenúltima rodada do Brasileirão, o embate, realizado no Nilton Santos, foi encerrado com vitória colorada por 1 a 0, gol de Paolo Guerrero. Fundamental para garantir a classificação do Clube do Povo à Libertadores de 2020, o triunfo foi conquistado já nos últimos instantes de partida, após canhotaço do centroavante peruano.


    O primeiro gol de D’Alessandro

    O Clube do Povo viajou até o Rio de Janeiro para enfrentar o Botafogo na 25ª rodada do Brasileirão de 2008. No Nilton Santos, à época apelidado de Engenhão, Tite escalou pela primeira vez o inesquecível losango de meio-campistas que consagrou geração dona de futebol extremamente vistoso. Na base, esteve Edinho. Pela direita, Magrão, acompanhado pelo canhoto Guiñazú. À frente, D’Alessandro armava para a dupla de atacantes Nilmar e Alex.

    Aos 30 do primeiro tempo, D’Ale lançou Nilmar, que antecipou-se ao goleiro e cruzou na direção do gol aberto. Por ali, quem apareceu foi Alex, que apenas completou para a meta aberta. Apenas na etapa final, porém, a grande pintura da noite saiu. Acionado por Guiña, que antes tabelara com Taison, El Cabezón invadiu a área, cortou o zagueiro, que ficou no chão, e mandou chute forte, rasteiro, no cantinho da goleira alvinegra. Golaço, o segundo do Clube do Povo no jogo, que seria encerrado com o 2 a 1 no placar, foi também o primeiro dos 94 já marcados pelo gringo com a camisa do Inter.