• Notícias
  • Clube
  • Futebol
  • Serviços
  • Clube de Vantagens
  • Inter Store
    Associe-se

    Raio-X: o que você precisa saber do confronto com o Táchira-VEN

    A Libertadores está de volta ao Beira-Rio! O Clube do Povo recebe, a partir das 21h30 desta terça-feira (27/04), o Deportivo Táchira-VEN, em partida da segunda rodada da fase de grupos do continente. Confira entrevista da Rádio Colorada com Oscar Castro, jornalista venezuelano, projetando o confronto. Abaixo, leia tudo sobre o duelo!


    Transmissão 📻

    Dona da jornada mais vermelha da web, a Rádio Colorada estará ao vivo a partir das 18h desta terça, e apresentará completos pré-jogo, narração e repercussão, invadindo a madrugada de quarta. Acompanhe a transmissão, realizada direto do Beira-Rio, via Site e APP do Inter!

    AtraçãoPlataformas
    18hPrograma do InterInternet e App do Inter
    19hProgramação musicalInternet e App do Inter
    19h30Raio-X do confrontoInternet e App do Inter
    20hPortões AbertosInternet e App do Inter
    21h30Jornada EsportivaInternet e App do Inter
    23h30Vestiário VermelhoInternet e App do Inter

    As redes sociais do Inter (@scinternacional no TwitterInstagram Facebook) contarão com o mais completo minuto a minuto da internet. Na TV, SBT e Conmebol TV anunciam transmissão.


    Vamo, Inter! 💪

    Miguel Ángel comandou atividades nesta segunda/Foto: Ricardo Duarte

    O Inter finalizou na tarde desta segunda-feira (26/04) os preparativos para o duelo contra o Deportivo Táchira. No CT Parque Gigante, Miguel Ángel Ramírez comandou treinos táticos e técnicos no gramado, com direto à ilustre presença de Taison. Reforço colorado, o novo camisa 10 do Clube do Povo pode aparecer entre os relacionados para o duelo.

    Embalado após golear o Esportivo, no último sábado (24/04), por 5 a 0, o grupo colorado contou com apenas dois dias de preparação exclusiva ao duelo contra o Táchira. Como Miguel Ángel revelou na última coletiva pós-jogo, contudo, a comissão técnica vinha estudando os rivais há mais tempo, período importante para desvendar as armas dos venezuelanos.

    “Nós já estamos, há dias, os estudando e vendo jogar. O resultado que conseguiram na primeira rodada ajuda a virem sem tanta preocupação e seguros, sem correr riscos. Ainda mais fora de casa. A partir de amanhã vamos passar aos jogadores o que sabemos do rival, por onde podem estar os caminhos da partida. Temos um gana enorme de ganhar aqui em casa.”

    Miguel Ángel Ramírez, em coletiva concedida no último sábado

    Personagem da tradicional coletiva que antecede jogos de Libertadores, Edenilson revelou, minutos antes do treino desta terça, que o grupo já conhecia detalhes importantes do adversário. Atento aos perigos do rival, o meio-campista fez questão de destacar que, acima das virtudes do Táchira, o Inter deve fazer valer seu estilo de jogo no Beira-Rio.

    “O professor Miguel passou algumas coisas ontem sobre a equipe deles. Hoje, deve passar mais. A gente acompanha mais por vídeos, mas sabemos que é uma equipe perigosa. Tem dois extremas que são rápidos, a gente tem que estar atento a isso e, principalmente, fazer o nosso jogo, até por estar em casa. Depois de ter estreado com derrota, temos que ir a todo custo atrás da vitória.”

    Edenilson

    A proposta de jogo colorada foi, inclusive, outro dos temas abordados por SuperEd. No Inter desde 2017, o camisa oito, um dos líderes do elenco vermelho, destacou as novidades que a comissão técnica tem apresentado ao grupo, ressaltando a importância de que se dê tempo para a metodologia ser completamente assimilada.

    “É um trabalho diferente do que a gente estava acostumado. Eu nunca havia trabalhado dessa forma, mas temos entendido bem, evoluído. Lógico que não vai ser da noite pro dia, mas, às vezes, se apega ao resultado e esquece que tem um trabalho por trás. A nossa saída de bola é, visivelmente, muito boa, e acredito que a gente possa e deva melhorar, com o tempo também, nossa parte ofensiva, no último terço do campo.”

    Edenilson


    Arbitragem 🧑‍⚖️

    Andrés Matonte apita, auxiliado por Horacio Ferreiro e Agustin Berisso. Quarto árbitro: Diego Riveiro. Quarteto uruguaio.


    Rival 🆚

    Tachirenses venceram o Olimpia na primeira rodada/Foto: DVG, Twitter Deportivo Táchira

    O Deportivo Táchira estreou com o pé direito na fase de grupos da Libertadores 2021. Diante do Olimpia, na Venezuela, os rivais desta terça-feira atingiram importante triunfo pelo placar de 3 a 2. A vitória, como revela Oscar, tomou contornos ainda mais importantes por ser conquistada logo no início da temporada aurinegra.

    “O Deportivo Táchira, quando enfrentou o Olimpia, havia jogado apenas uma partida neste ano. Era uma incógnita. O Olimpia vinha de 12 jogos. Mas houve confiança e convicção no time, que ganhou, com uma diferença que poderia ser maior, diante de um time muito copeiro e com experiência.”

    Oscar Castro

    Emocionante, a partida diante do Olimpia teve o placar inaugurado pelos paraguaios, e viu o gol decisivo dos aurinegros ser anotado já nos minutos finais. A dramaticidade, é claro, gerou euforia ainda maior na torcida tachirense, que elegeu o surpreendente meio-campista Maurice Cova um dos principais nomes em campo, apesar de as redes terem sido balançadas por Gómez, Gondola e Trejo.

    “O Maurice Cova é desta cidade. Esperávamos a presença dele, mas não com a intensidade que ele manuseou seu trabalho, já que ele vinha se recuperando de uma lesão. Ele não havia jogado a partida da quinta-feira, dia 15, no Campeonato Venezuelano!”

    Oscar Castro
    Maurice Cova veste a 15 do Táchira/Foto: DVG, Site Deportivo Táchira

    O Beira-Rio sediará um duelo marcado pela jovialidade das casamatas. Assim como Miguel Ángel Ramírez, Juan Tolisano, comandante do Táchira, também soma 36 anos. Formado em jornalismo, o profissional, estudioso da bola, conta com grande prestígio na Venezuela, muito por conta de seu já vasto currículo, contrastante à pouca idade.

    “Juan Tolisano é um técnico de boa projeção que tem o futebol venezuelano. Paciente para alcançar um título, ele aposta muito nas novas gerações. Trabalhou com César Farías, treinador da Seleção da Bolívia, e Daniel Farías, técnico do La Guaira. Ele dirigiu um time na terceira divisão, segunda divisão e outros. Vem de baixo, e hoje está aí.”

    Oscar Castro
    Juan Tolisano, técnico aurinegro/Foto: DVG, Twitter Deportivo Táchira

    Equipe venezuelana com mais participações na Libertadores, o Táchira está em sua 24ª edição do principal torneio de clubes do continente. Tradicional, o adversário colorado tem, no ataque, jogador que personifica perfeitamente os 47 anos de história da instituição: Edgar Pérez Greco.

    “O jogador emblema do Táchira, já está com 38 anos, é Édgar Pérez Greco. Líder do time, é da confiança do treinador e o jogador mais destacado. E o avô dele foi um fundador do clube! O pai do Edgar foi jogador também no Deportivo. E ele parece que não se cansa. Está aí e sempre joga com a 21!”

    Oscar Castro
    Edgar Pérez Greco em ação contra o Olimpia/Foto: DVG, Site Deportivo Táchira

    Pelo Campeonato Venezuelano, o Deportivo Táchira visitou, no último sábado (24/04), o Zulia. Com diversos atletas poupados, os aurinegros foram superados pelo placar de 5 a 0. A partida integrou a segunda rodada do torneio, e manteve os tachirenses com três pontos na tabela.

    Agora, diante do Inter, a expectativa é de que Tolisano escale a mesma equipe que enfrentou o Olimpia. Assim, os 11 prováveis titulares são: Cristopher Varela; Pablo Camacho, Carlos Vivas, Lucas Trejo e José Granados; Francisco Flores, Maurice Cova e Nelson Hernández; Freddy Góndola, Edgar Pérez Greco e Lucas Gómez.

    Os relacionados do rival/Foto: Twitter Deportivo Táchira

    Calendário do grupo 🧮

    O Inter abriu o grupo B da Libertadores 2021 com derrota. Na altitude de La Paz, o Clube do Povo foi superado por 2 a 0 pelo Always Ready-BOL. Agora, o Colorado conta com duas partidas consecutivas no Beira-Rio para se recuperar da estreia atribulada. Depois do Táchira-VEN, o próximo adversário será o Olimpia-PAR, em partida marcada para as 21h da quarta-feira 5 de maio.

    Inter sofreu com a altitude de La Paz/Foto: Ricardo Duarte

    Retrospecto ⏱️

    Inter e Deportivo Táchira já se enfrentaram quatro vezes na história – uma delas há exatos 41 anos -, e o Colorado leva vantagem no retrospecto do confronto, que teve todos os seus capítulos escritos na fase de grupos da Libertadores. Ao todo, o Clube do Povo, autor de oito gols, já derrotou os venezuelanos em três ocasiões, enquanto os rivais, donos de duas bolas na rede, somam uma vitória.

    Os gols marcados há exatos 41 anos

    Os encontros entre Inter e Táchira:

    13/04/1980 D. Táchira 0 x 1 Inter (Falcão)
    27/04/1980 – Inter 4 x 0 D. Táchira (Cláudio Mineiro, Bira e Adavilson (2x))
    24/02/1989 – D. Táchira 1 x 0 Inter (Laureano Jaimes)
    28/03/1989 – Inter 3 x 1 D. Táchira (Aguirre, Luis Fernando e Edu Lima/ Genovese)