Associe-se

Raio-X: Gurias defendem a liderança do Brasileirão contra o São Paulo

Gurias enfrentam o São Paulo no Beira-Rio/Foto: Ricardo Duarte

Noite de Gurias Coloradas no Beira-Rio! Às 20h desta segunda-feira (21/03), o futebol feminino do Clube do Povo recebe o São Paulo, no Gigante, para a disputa de partida da terceira rodada do Brasileirão A1 de 2022. Confira entrevista da Rádio Colorada com Bianca Goes, projetando o duelo, e, na sequência, encontre todas as informações do confronto.


Ingressos disponíveis

Não tem desculpa: lugar de colorado e colorado nesta noite é no Beira-Rio! Sócios e sócias de todas as modalidades têm acesso liberado ao Gigante para a partida das Gurias, enquanto a torcida em geral pode adquirir ingressos ao valor de R$ 10,00! É possível confirmar presença na terceira rodada do Brasileirão A1 até as 21h desta segunda, horário de fechamento das bilheterias e do serviço de jogo online. Vem pro Gigante!

Vem pro Beira!/Foto: Ricardo Duarte

Transmissão

Emissora oficial do Clube do Povo, a Rádio Colorada acompanhará a terceira rodada do Brasileirão A1 direto do Beira-Rio! Ao vivo a partir das 19h, com a apresentação do Raio-X, a Mais Vermelha apresentará, nesta segunda-feira, os tradicionais Portões Abertos, Jornada Esportiva e Vestiário Vermelho. Na TV, o SporTV anuncia transmissão, ao passo que as redes sociais das Gurias cobrirão a partida com relato minuto a minuto enriquecido por imagens dos principais lances da noite.

ProgramaçãoPlataforma
19hRaio-XSite e APP do Inter
19h30Portões AbertosSite e APP do Inter
20hJornada EsportivaSite e APP do Inter
22hVestiário VermelhoSite e APP do Inter

Pra cima delas!

Gurias estão prontas para o clássico/Foto: João Callegari

A semana que passou foi de trabalhos fortes para as Gurias Coloradas, que não vão a campo desde o domingo retrasado (13/03), data de vitória sobre a Esmac, no Belém do Pará, por 4 a 0. Desgastante, a viagem ao Norte do Brasil exigiu, inicialmente, a realização de exercícios regenarativos para o grupo de atletas, que depois passou a treinar, sob às ordens de Maurício Salgado e comissão, com o foco completamente voltado ao São Paulo.

Líderes do Brasileirão no encerramento da segunda rodada, as Gurias podem retomar a ponta da tabela em caso de vitória no Beira-Rio. Para tanto, basta torcer para que a Ferroviária não goleie o Flamengo em partida que também ocorre nesta segunda, mas às 19h. Mandantes contra o Rubro-Negro, as Grenás somam, atualmente, saldo inferior em dois gols ao do Inter. Atualmente, o Clube do Povo é terceiro com seis pontos, enquanto Corinthians e Palmeiras, que já disputaram três jogos, ocupam as respectivas primeira e segunda posições.

Semana foi de preparação forte no Sesc/Foto: João Callegari

Para seguir com 100% de aproveitamento, as Gurias contam com o importante retorno de Fabi Simões. Ausente na rodada passada, a camisa sete do Clube do Povo já foi decisiva na estreia do Inter no Brasileirão, quando ofereceu assistência para o gol de Lelê, primeiro do Inter na vitória de 2 a 1 sobre o Cresspom. Já Djeni Becker segue de fora, em reta final de recuperação de desconforto muscular. Confira a lista de atletas relacionadas por Maurício Salgado para a terceira rodada do Nacional.

Afora os treinos preparativos ao duelo contra o São Paulo, a semana que passou também ofereceu grandes notícias para a meta das Gurias. Titular nas três partidas já disputadas pelo Inter em 2022, Mayara foi convocada para a Seleção Brasileira principal, enquanto Gabi Barbieri, junto das atacantes Mileninha e Biazinha, figura na lista de relacionadas pelo técnico Jonas Urias para a disputa do Sul-Americano Sub-20. Na entrevista que concedeu para a Rádio Colorada na última quinta-feira (17/03), O preparador de goleiras do Clube do Povo, Felipe França, destacou o alto nível das arqueiras formadas na base colorada.

“Um privilégio grande e mérito do Clube e dos profissionais que aqui estiveram: ter a capacidade de formar boas goleiras. Hoje, temos no plantel todas as goleiras formadas nas categorias de base. A questão da experiência é muito importante, mas a gente só adquire jogando. Errando e acertando. Tento passar um pouco do que já vivi dentro do futebol feminino no dia a dia, em conversas, tentando corrigir alguns movimentos para que elas possam desempenhar bem. São meninas que têm um potencial muito grande, e que têm demonstrado muito.”

Felipe França
Felipe França elogiou trabalho de formação da base colorada/Foto: João Callegari

Felipe também celebrou o bom início de Brasileirão das Gurias. Contratado pelo Inter para a temporada de 2022, o profissional, que soma passagens de destaque pelo Avaí/Kindermann, elogiou o planejamento feito pela comissão técnica colorada, e ressaltou que o desempenho apresentado até aqui dá muita confiança para a meta vermelha, vazada uma única vez no Campeonato.

Foto: João Callegari

“Essa arrancada é excepcional, e foi muito bem planejada por toda a comissão técnica do Clube. A gente almeja a somatória desses pontos, primeiramente, para garantir a nossa classificação o quanto antes. E a partida segura, principalmente da nossa goleira, dá confiança. O fator principal é manter sequência, constância na partida.”

Felipe França

É claro que a craque Mayara também falou aos microfones do Clube do Povo. Convocada pela primeira vez para a seleção principal, a camisa 12 do Inter igualmente compartilhou a boa fase que vive com o processo de formação a que foi exposta no Inter. Cria da base, a paredão ainda agradeceu às atletas mais experientes pela excelente relação com a ala jovem do elenco.

“Um sentimento muito bom. Cheguei aqui no Inter muito nova, participei de vários campeonatos na base, inclusive o Brasileiro Sub-18, que a gente acabou sendo campeãs. O Inter faz um trabalho muito bom na base, e acredito que boa parte do meu desempenho no profissional vem daí. Acho que os dois jogos que fiz foram muito bons, uma estreia boa pra mim, porque as meninas do profissional me acolheram muito bem. “

Mayara
May foi convocada por Pia Sundhage/Foto: João Callegari

Já com os olhos voltados para o embate contra o São Paulo, May analisou a importância de se chegar embalada para o clássico desta segunda. Nas palavras da goleira, as vitórias contra Cresspom e Esmac, especialmente pela maneira com que foram conquistadas, através de boas atuações, servem de incentivo para que as Gurias sigam buscando evoluir a cada jogo.

Foto: João Callegari

“Por mais que eu seja mais nova, e a minha posição é um pouco mais complicada, com a ajuda das meninas fica mais fácil. Estou confiante, os treinos estão bons, e foram dois jogos excelentes para começo de Campeonato. É merecimento nosso, e também serve de incentivo, porque a gente tem um jogo contra o São Paulo agora que é importante, e estamos concentradas para conseguir três pontos e seguir na liderança do Campeonato, se possível.”

Mayara

Arbitragem

Lucas Guimarães Horn apita, auxiliado por Maíra Mastella Moreira e Estefani Estrela da Rosa. Quarto árbitro: Anderson da Silva Farias.


Rival

Rivais sonham com um título em 2022/Foto: Gabriela Montesano/São Paulo

Superado pelas Gurias Coloradas nas quartas de final do Brasileirão A1 da temporada passada, o São Paulo não se deixou abalar pela eliminação nacional, e terminou o ano com uma taça e um vice-campeonato. Após encarar o poderoso Corinthians de igual para igual na decisão do Campeonato Paulista, mas ser derrotado com gol aos 45 do segundo tempo em Itaquera, o Tricolor foi soberano na Ladies Cup, competição que conquistou com a melhor campanha, depois de bater o Santos por 3 a 2 na finalíssima. Agora, a equipe de Lucas Piccinato inicia 2022 sonhando com novos títulos, como revela Bianca Goes.

“A meta é levantar um troféu. A gente chegou muito perto, muito perto mesmo, no ano passado. Temos muito orgulho do que as meninas fizeram contra o Corinthians, na final do Paulistão. Mostraram que é possível vencer o Corinthians. Perdemos o título, mas vencemos em casa. Com isso, o time ganhou uma cancha, e acho que brigamos, sim, em 2022. Por Brasileiro, por Paulista. E no Brasileiro, inclusive, acho que esse ano será o mais parelho. Tem muito time bom!”

Bianca Goes
Tricolor conquistou a Ladies Cup em 2021/Foto: Paulo Pinto/São Paulo

Após estrear com empate de 1 a 1 contra o Flamengo, no Rio de Janeiro, o São Paulo venceu sua primeira partida no Brasileirão de 2022 na rodada passada. Em Cotia, o Tricolor até sofreu um susto aos 22 do primeiro tempo, quando Nenê abriu o placar para o Real Brasília, mas logo contou com o brilho de sua principal artilheira para chegar aos três pontos. Ainda antes do intervalo, a camisa 11 Micaelly começou a mostrar que está preparada para ser a referência técnica do ataque durante a ausência de Glaucia, lesionada, ao servir Thaís, autora do gol de empate. Já na segunda etapa, Mica primeiro virou, batendo pênalti, e depois assistiu Giovana, que marcou o terceiro e último do jogo.

“A Glaucia é nossa referência técnica desde o ano passado. Não temos uma jogadora no elenco para suprir a ausência. Então, o Piccinato trabalhou bastante isso na pré-temporada. Se reveza bastante quem vai infiltrar na área, já que a tendência é um ataque móvel, apostando no poder de criação e na individualidade da Yayá e da Micaelly, que é o diferencial. Contra o Real, ela realmente colocou a bola debaixo do braço e decidiu.”

Bianca Goes

Se Glaucia é desfalque por lesão, o São Paulo também conta com duas baixas de peso em relação ao time do ano passado. No meio de campo, a selecionável Duda deixou o Tricolor rumo ao Flamengo, enquanto a zaga perdeu Lauren, cria da casa que foi negociada com o futebol da Espanha. Em resposta às saídas, a equipe também fez grandes contratações, a exemplo das ex-coloradas Shashá e Rafa Travalão, da zagueira Pardal e da polivalente defensora Fê Palermo.

“A Shashá ainda está se adaptando. Contra o Flamengo, fez um bom primeiro tempo, mas, diante do Real Brasília, achei ela abaixo do que pode. Já a Fe Palermo foi convocada para a Seleção Brasileira, e penso que vale dar oportunidade para testar ela. Em 2022, acredito que o São Paulo vá manter seu estilo de jogo. É um time que sobe muito as linhas, pressiona bastante, aposta na transição rápida.”

Bianca Goes
Shashá (E) e Rafa (D) com as cores adversárias/Foto: DVG/São Paulo

No Beira-Rio, Piccinato deve promover a estreia de Fe Palermo como titular, ao passo que o restante da equipe seguirá, provavelmente, o mesmo das duas primeiras partidas do ano. Assim, a provável escalação tricolor conta com Carla no gol; Giovana, Pardal, Thaís e Fe Palermo (Dani) na defesa.; Maressa, Formiga e Yayá no meio de campo; Micaelly, Naná e Shashá no ataque.


Último confronto

Gurias eliminaram o São Paulo no ano passado/Foto: Luiza Moraes/CBF

Se Inter e São Paulo protagonizam uma das maiores rivalidades interestaduais no futebol masculino, no feminino o cenário não é muito diferente. Donos de duas das categorias de base mais vitoriosas da modalidade, Clube do Povo e Tricolor travaram embates emocionantes e decisivos na temporada passada. O mais recente deles, válido pela terceira e última rodada da fase de grupos da Ladies Cup, foi vencido pelas paulistas, que contaram com gol de Giovaninha para chegar ao placar de 1 a 0.

Equipes se enfrentaram nas quartas do Brasileirão de 2021/Foto: Luiza Moraes/CBF

Já no Brasileirão passado, as Gurias Coloradas brilharam diante do ‘Trikas’. Após ser superado por 2 a 1 no Beira-Rio, e assim largar em desvantagem nas quartas de final do país, o Inter foi pioneiro como de costume na volta, disputada no Morumbi, para levar o futebol feminino gaúcho à primeira semifinal nacional de sua história. Na casa paulista, Gislaine abriu o placar para o São Paulo, mas Fabi Simões, ainda no primeiro tempo, tratou de encostar a soma do agregado.

Ao Clube do Povo, faltava um gol para levar a disputa aos pênaltis, e ele só saiu, com requintes de crueldade para os corações vermelhos, aos 39 minutos da etapa final. Ari, de cabeça, cumprimentou cruzamento de Djeni para fazer o 2 a 1 no Morumbi. O placar começava a ficar bom, mas pouco permaneceria assim. Aos 48, Shashá recebeu de Wendy, invadiu a área rival em velocidade e mandou na trave, mas seguiu ligada no rebote para, de carrinho, fazer o terceiro. Agora sim: estava ótimo.

Vitória no Morumbi foi muito festejada/Foto: João Callegari