• Notícias
  • Clube
  • Futebol
  • Serviços
  • Clube de Vantagens
  • Inter Store
    Associe-se

    Raio-X: as informações da última rodada do Brasileirão

    Chegou a hora! Em busca do tetracampeonato nacional, o Clube do Povo recebe o Corinthians, a partir das 21h30 desta quinta-feira (25/02), pela 38ª e última rodada do Brasileirão 2020. Confira entrevista da Rádio Colorada com Caique Silva, setorista do Corinthians pela Rádio Jovem Pan, projetando o decisivo confronto entre Inter e Timão. Abaixo, você encontra tudo sobre o duelo!


    Transmissão


    A Rádio Colorada estará ao vivo a partir das 20h desta quinta-feira, horário de apresentação do pré-jogo Portões Abertos. Na sequência, às 21h15, começa a Jornada Esportiva, sucedida, ao soar do último apito, pelo Vestiário Vermelho, atração que repercute, através de entrevistas coletivas e exclusivas, todos os detalhes do duelo recém-encerrado. Acompanhe a emissora oficial do Clube do Povo no FM 95.5, ou via Site, APP e Canal do Inter!

    Faça aqui o download do APP do Inter para Android;

    Clique para fazer o download do APP do Inter para IOS;

    Participe da jornada através do InterZap: (51)99189-4124

    As redes sociais do Inter (@scinternacional no TwitterInstagram Facebook) contarão com o mais completo minuto a minuto da internet, recheado de imagens compartilhadas de maneira instantânea. Na TV, o Premiere anuncia transmissão.


    Vamo, Colorado!


    Inter, de Patrick, vai em busca dos três pontos no Beira-Rio

    O Inter encerrou, no final da tarde desta quarta-feira (24/02), os preparativos para o duelo diante do Corinthians. No CT Parque Gigante, Abel Braga comandou atividades táticas que encaminharam os prováveis 11 nomes que iniciarão a partida no Beira-Rio.

    O treinador colorado, que também orientou exercícios de bola parada ofensiva e defensiva, não contará com Rodinei na última rodada do Brasileirão. Suspenso, o lateral é a única nova baixa, enquanto Victor Cuesta surge como grande reforço para o duelo contra o Corinthians.

    Abel precisará modificar o sistema defensivo

    Breve, a semana de preparação do Clube do Povo contou com entrevistas exclusivas de Bruno Praxedes e Victor Cuesta. Primeiro a falar para a Mídia do Inter, o jovem meio-campista analisou sua primeira temporada como profissional e comentou a expectativa para a rodada decisiva do Brasileirão. Confira:

    De volta após cumprir suspensão pelo terceiro cartão amarelo, Cuesta conversou com as redes coloradas na última quarta. O zagueiro ressaltou a força do grupo como um dos principais pilares da grande campanha do Inter no Brasileirão, e projetou o embate que marcará o encerramento da temporada 2020 para o Clube do Povo. Assista:


    Situação de tabela


    O Inter precisa vencer o Corinthians para ser campeão brasileiro. Vice-líder do país, o Clube do Povo abre a rodada com 69 pontos, dois a menos do que o Flamengo. Além de somar três pontos, o Colorado também torce por tropeço rubro-negro diante do São Paulo, no Morumbi.

    Edenilson é uma das esperanças da torcida colorada

    Empate do Urubu também serve para o time de Abel Braga, que soma saldo de gols superior aos comandados de Ceni, levantar a taça. Todas as partidas desta última rodada serão disputadas simultaneamente. Confira os oito primeiros da tabela:

    PJVEDGPGCSG
    1 – Flamengo71372188674621
    2 – Internacional69372098613526
    3 – Atlético-MG653719810624517
    4 – São Paulo633717128574017
    5 – Fluminense6137171010534211
    6 – Grêmio593714176533914
    7 – Palmeiras583715139513516
    8 – Santos543714121152493
    União do grupo é trunfo do Inter na busca pelo Tetra

    Dia de torcer de casa


    A paixão do povo colorado é motivo de orgulho para todos nós. Mais do que nunca, porém, precisamos ter consciência da situação que vivemos. Os números da pandemia são alarmantes, e tão importante quanto apoiar é tomar todos os cuidados. Torça de casa, evite aglomerações e faça sua parte na luta contra o novo coronavírus. Separados fisicamente, mas unidos no sentimento, buscaremos o Tetra no Beira-Rio!


    Arbitragem


    Wilton Pereira Sampaio apita, auxiliado por Fabricio Vilarinha da Silva e Bruno Raphael Pires, trio de Goiás. O quarto árbitro será Roger Goulart, do Rio Grande do Sul, enquanto o VAR ficará a cargo de Rodrigo Dalonso Ferreira, de Santa Catarina.


    Rival


    Corinthians vive jejum de quatro partidas sem vitórias

    Sem chances de classificação para a Libertadores e matematicamente garantido na Sul-Americana, o Corinthians ficou abaixo das expectativas na temporada 2020. De acordo com o setorista Caique Silva, porém, se os resultados alcançados estão aquém do esperado pela torcida, eles não deixam de refletir o nível das atuações do Timão ao longo do Campeonato.

    “A realidade do Corinthians está muito distante daquilo que estamos acostumados a ver do Clube. Na reestruturação que passa hoje, a questão é que a torcida não tem tanta paciência como em tempos anteriores. O Corinthians vive um contexto de que vai disputar uma competição ao nível do que apresentou no Campeonato Brasileiro. Vai disputar a Copa Sul-Americana.”

    Caique Silva
    Temporada alvinegra contou com grande oscilação

    Após abrir 2020 comandado por Tiago Nunes, o Alvinegro hoje responde às ordens do técnico Vagner Mancini, contratado em outubro do ano passado. Com o atual treinador, o Timão até escapou das cercanias do Z4, desconfortável situação que viveu ao longo do primeiro terço do Campeonato, mas não escapou de demonstrar relativa irregularidade no momento mais decisivo da temporada.

    “O Corinthians flertou muito de perto com a Zona de Rebaixamento até trazer o Vagner Mancini. Hoje, é um time mais fortalecido, diferente de quando com o Tiago Nunes, mas ainda muito fragilizado, com elenco limitado. Em dado momento, o Corinthians até iludiu seu torcedor de que poderia chegar na Libertadores, mas não foi regular.”

    Caique Silva
    Vagner Mancini assumiu o Corinthians na 16ª rodada do Brasileirão

    Atual 10º colocado com 50 pontos, o Corinthians marcou o mesmo número de gols que sofreu: 45. Distante dos melhores ataque e defesa, o time, que ao longo da última década se notabilizou pela solidez de sua retaguarda, não parece ter encontrado reposições para os nomes mais experientes de sua linha de trás, como destaca o setorista alvinegro.

    “O torcedor sabe que o ponto mais forte do Corinthians é a defesa, justamente porque tem jogadores de nomes muito bons, mas que têm uma idade já elevada, que mostraram não ser mais o que a gente estava acostumado a ver. O que a gente analisa é que o time trabalha muito com nome, mas dentro de campo não rede aquilo se espera. A prática desagrada”

    Caique Silva
    Gil e Jemerson, no alto, formam a dupla de zaga alvinegra

    Diante do Clube do Povo, o Timão não deve contar com Fagner e Gustavo Mosquito. Respectivos lateral e ponta pelo lado direito, os dois deixaram o campo com dores na rodada passada, e devem ser preservados no Beira-Rio. Assim, a provável escalação alvinegra, de acordo com Caique, conta com Cássio; Michel Macedo, Gil, Jemerson e Fábio Santos; Ramiro, Cantillo e Cazares; Gabriel Pereira, Léo Natel e Mateus Vital.


    Estatísticas


    Alternativa para a vaga de Rodinei, Heitor atuou no primeiro turno

    Segundo melhor mandante do Brasileirão, o Clube do Povo soma 12 vitórias, quatro empates e duas derrotas nas 18 partidas que já disputou como local na atual edição do Campeonato. Do outro lado, o Corinthians chega ao Beira-Rio como o 12º visitante, com 35% de aproveitamento fora de casa.

    Dono do segundo ataque mandante mais artilheiro, o Inter já marcou 34 gols, vigor ofensivo justificado pela efetividade colorada. De acordo com números do ge.com, o Clube do Povo é o 14º local em número de finalizações, média de 12,4 por jogo. Ao mesmo tempo, porém, os comandados de Abel Braga exibem a maior letalidade na linha de frente, anotando um tento a cada 6,6 tentativas. Com 10,5 chutes por jogo, o Corinthians é 15º no critério entre visitantes. Já na precisão, os paulistas ocupam a 11ª posição, cobrando 11,3 arremates para vazar as redes fora da Neo Química.

    Inter vai em busca da vitória no Beira-Rio

    Defensivamente, os números colorados também são positivos. Exigindo 11,1 conclusões para sofrer um gol no Beira-Rio, 11º no critério, o Clube do Povo permite, em média, 10,4 arremates aos rivais que o visitam. Quarto visitante mais resistente, vazado apenas a cada 11,3 chutes, o Corinthians é o 13º em número de finalizações sofridas longe de casa, média de 13,8 por jogo.

    Colorado conta com a segurança de Marcelo Lomba na defesa

    Retrospecto


    Inter e Corinthians já se enfrentaram 89 vezes na história, e os rivais levam vantagem no retrospecto do confronto. O Clube do Povo tem 23 vitórias contra 31 do Alvinegro, além de 35 igualdades. Quanto a bolas na rede, o Colorado soma 87 gols marcados, sete a menos do que os sofridos.

    Colorado, de Patrick, superou o Corinthians por 2 a 1 em 2018

    Emoção em 2010


    O Clube do Povo conquistou triunfo especial sobre o Corinthians no returno do Brasileirão 2010. Disputada no dia 26 de setembro, a 25ª rodada do Nacional teve seu placar inaugurado por Tinga, servido pelo garçom D’Alessandro aos 29 do primeiro tempo. Jorge Henrique empatou aos 20 da etapa final, mas a igualdade logo foi desfeita por Alecsandro. Corriam 32 minutos, e o Inter vencia por 2 a 1.

    Insistente na pressão, o Corinthians passou a alçar seguidas bolas contra a defesa bicampeã da América. No último minuto regulamentar, após grande confusão, a estratégia foi recompensada com pênalti, cometido por Nei e convertido por Bruno César. Apoiado por quase 40 mil pessoas, o Colorado não se acomodou com o empate, e partiu em busca do terceiro, que chegou aos 48. Andrezinho, sempre ele, cobrou falta frontal direto no ângulo de Júlio César, que nada pôde fazer.

    Talismã Andrezinho, o anjo das bolas paradas