Associe-se

Preparador físico Douglas Libonorio comenta pré-temporada das Gurias

Responsável pela preparação física das Gurias conversou com a Rádio Colorada/Foto: João Callegari

Falta pouco para as Gurias voltarem a campo! A estreia do Inter no Brasileirão A1 está marcada para o sábado da próxima semana (05/03), às 16h, no Sesc Protásio Alves, data na qual, diante do Cresspom-DF, o Futebol Feminino do Clube do Povo iniciará caminhada na competição em que fez história no ano passado, quando chegou às semifinais. Diante de tamanha responsabilidade, a pré-temporada colorada tem corrido sob grande exigência e reconhecida intensidade, características que foram comentadas pelo preparador físico Douglas Libonorio em entrevista concedida, nesta sexta-feira (25/02), para o Programa do Inter, noticiário da Rádio Colorada.

Foto: Pedro Pacheco

“O planejamento foi feito no final do ano passado, quando a gente já tinha uma projeção do que poderia ser feito. Neste ano, fizemos um trabalho bom, principalmente porque metade do elenco permaneceu, já teve uma base conosco. As jogadoras que vieram, nós acrescentamos ao trabalho e fizemos a individualidade biológica delas em atividades de força e de campo. Esse foi o ponto chave: fazer trabalhos com o grupo todo, e também individualizar com quem precisasse. No período competitivo, continuaremos assim.

Douglas Libonorio

Em 2022, as Gurias viveram um início de ano diferente. Disputada pela primeira vez na história, a Supercopa do Brasil recortou a pré-temporada colorada, uma vez que a equipe precisou ir a campo já no dia 4 de fevereiro, quando enfrentou o Real Brasília em duelo das quartas de final da competição nacional. Na entrevista para a emissora oficial do Clube do Povo, Douglas compartilhou as modificações que a comissão técnica precisou empreender na preparação do elenco vermelho.

“Como a gente teve uma semana de pré-temporada e depois já entrou na semana de preparação para o jogo, quando não podemos fazer um trabalho mais forte, o que fizemos foi uma readaptação. Tentamos otimizar trabalhos, dando foco em força e potência. Infelizmente, gostaríamos de ter ido mais longe, mas é o futebol. A partir de então, otimizamos melhor o planejamento para essas três semanas. Evoluímos em carga nos treinamentos de força, em pesos na academia e em minutagem de campo com alguns jogos com o Sub-20, que estamos fazendo para ter uma base e definir se as atletas sustentam uma partida.”

Douglas Libonorio
Começo de ano correu com trabalhos intensos nas Gurias/Foto: João Callegari

Contratado pelo Inter em fevereiro de 2021, Douglas vive sua segunda pré-temporada à frente da preparação física das Gurias. Dono de currículo invejável, que acumula experiências tanto em futebol masculino quanto feminino, o profissional desembarcou em Porto Alegre meses depois de conquistar o Brasileirão de 2019 e a segunda colocação na Libertadores da mesma temporada. Desde sua chegada, o paulista de Jaú-SP entende que já evoluiu muito no conhecimento do grupo colorado, e aponta esse entrosamento como um trunfo importante na pré-temporada de 2022.

Foto: João Callegari

“Eu cheguei no começo do ano passado, ainda conhecendo e ambientando. Na época o elenco estava formado, a comissão também. Então, demanda um pouco até você conhecer e integrar os trabalhos físicos, fisioterápicos, técnicos. Mas, com o decorrer do ano, fomos ajustando detalhes, e tivemos a boa resposta de chegar na semifinal do Brasileirão e na final, sendo campeão e conseguindo vaga para a Supercopa, no Gauchão. Agora, em 2022, a gente já conhecia o nível das jogadoras, e elas já conheciam o trabalho.

Douglas Libonorio

Enquanto profissional da preparação física, Douglas adota uma linha de trabalho que prioriza atividades com bola desde o início da pré-temporada. De acordo com o próprio, essa dinâmica, mesmo priorizando aspectos de força e potência, oferece um acréscimo importante aos trabalhos técnicos e táticos realizados pelo elenco, uma vez que estimula, desde cedo no calendário, a tomada de decisões e o exercício cognitivo em situações que lembram as que serão encaradas durante o ano.

“O ponto principal do meu trabalho é força e potência. Para uma jogadora sustentar o jogo durante os 90 minutos, ela precisa estar forte. Eu entro dando foco nessas valências físicas, e a parte cardiorrespiratória vem junto. Na minha preparação, que é integrada junto com o Maurício (Salgado), a bola está desde o começo. Prefiro assim, porque faz com que tenhamos valências diferentes atuando ao mesmo tempo. Partes cognitivas, padrões de movimento, tudo isso que, se eu acrescento a bola desde o começo, ganho tempo.”

Douglas Libonorio
Douglas chegou ao Inter no início de 2021/Foto: João Callegari

O preparador físico das Gurias Coloradas também fez um balanço do primeiro contato com as novas atletas do elenco colorado. Para 2022, o Inter já anunciou as contratações de Capelinha, Duda, Eskerdinha, Lelê, Maiara, Thamirys e Zóio, reforços que receberam uma atenção especial ao longo da pré-temporada. Afinal, embora o imaginário popular possa entender que a preparação ocorre sempre com o grupo completo, os trabalhos individualizados também são fundamentais na construção de um ano vencedor.

“As jogadoras novas nós estamos em trabalho de conhecer, e isso está sendo rápido. Elas já vieram de trabalhos, têm vivência no futebol, o que facilita. E as que estão aqui já têm a vivência da nossa linha de trabalho, o que ajuda bastante para podermos evoluir. Pudemos ir ainda mais no específico, pois ninguém é igual a ninguém. Futebol é um esporte em que você precisa ter o grupo praticamente homogêneo, mas sempre existirá uma característica que completa as outras.”

Douglas Libonorio
Falta pouco para as Gurias voltarem a campo!/Foto: João Callegari