• Notícias
  • Clube
  • Futebol
  • Serviços
  • Clube de Vantagens
  • Inter Store
    Associe-se

    “Estou muito feliz de estar aqui”, comemora Gabriel Mercado em sua apresentação como atleta do Inter

    Experiente e multicampeão, o argentino Gabriel Mercado foi oficialmente apresentado pelo Inter no início da tarde desta segunda-feira (12/07). Com contrato até dezembro de 2022, o novo defensor colorado, que chega do futebol do exterior, poderá estrear com a camisa vermelha a partir do próximo mês de agosto.

    Anunciado há exatos sete dias, o defensor concedeu sua primeira coletiva como atleta colorado após manifestações de João Patrício Herrmann e Paulo Bracks. Responsável por abrir a entrevista, o vice-presidente de futebol do Clube do Povo apresentou as credenciais de Mercado, além de destacar o histórico recente de hermanos no Beira-Rio.

    “É com satisfação que apresentamos Gabriel Mercado. Argentino, jogador de Seleção, experiente, que disputou Copa do Mundo. Outros argentinos passaram por aqui, e temos saudades de todos. Temos argentinos no elenco também. Confiamos muito em ti. Seja bem-vindo, espero que tenhas gostado do início de trabalho. Isso é Inter!”

    João Patrício Herrmann

    Diretor executivo de futebol do Inter, Bracks destacou a constante busca por equilíbrio entre juventude e experiência na formação do elenco colorado. O profissional citou as recentes contratações realizadas pelo Clube do Povo, definidas como parte da equação traçada na busca por títulos.

    “Contrato até o final de 2022 de um atleta que vai agregar muito em experiência, rodagem. Dentro do equilíbrio que buscamos entre jovens e experientes, a gente tem, de um lado, Palacios e Paulo Victor. Do outro, Taison e Mercado. Além do Bruno Méndez, que é empréstimo. Um equilíbrio que a gente entende que será a equação na nossa busca pelos objetivos do ano.

    Paulo Bracks

    Encerradas as falas dos dirigentes, Mercado passou a responder as perguntas da imprensa. Logo em sua primeira fala, o argentino revelou toda a expectativa que tem para estrear pelo Inter, além de comentar como serão seus próximos dias de preparação no CT Parque Gigante.

    “Tenho estas semanas para aproveitar e me alinhar ao grupo. Em alguns dias vou treinar à parte, como determinaram os preparadores físicos. Quando liberado, trabalho com o grupo. Estou bem, com muita vontade de poder trabalhar com meus companheiros, conhecê-los e ficar a par do grupo para trabalharmos juntos!”

    O argentino também destacou o conhecimento que tem de Diego Aguirre, técnico com quem trabalhou no Al-Rayyan, do Catar. Sobre a relação com a comissão técnica, inclusive, Mercado deixou claro que pode atuar em qualquer posição da linha defensiva, ficando à disposição para ajudar como for necessário.

    “Eu e Diego trabalhamos juntos no Catar. Sei que na América do Sul me conhecem por jogar de lateral, mas, já na Europa, joguei uma maior quantidade de partidas na zaga. No Catar, passei toda minha estadia de zagueiro. Vim para jogar assim, mas posso, também, na lateral. Não tenho nenhum problema, sempre estarei à disposição do treinador para dar meu melhor.”

    Além do acréscimo técnico que representa, Mercado também agrega por seu vasto currículo vitorioso. Autor de gol nas oitavas de final da Copa do Mundo de 2018 e bicampeão argentino, o vencedor de Recopa, Sul-Americana e Libertadores compartilhou a visão que tem do futebol, pautada pela máxima dedicação.

    “Tive a sorte de ganhar muitos títulos, mas sei como o é o futebol. Para seguir, é preciso trabalhar duro, forte. Essa mentalidade é o que quero transmitir para meus companheiros: não podemos nos conformar com uma boa partida. Precisamos ir sempre por mais, o que passou fica para trás. Assim chegam os bons resultados. Estou muito feliz de estar aqui!”

    Gabriel Mercado

    🗣️ Confira demais aspas de Gabriel Mercado:

    O que viu do time:

    “Vi o Gre-Nal e me agradou muito a equipe. Do que fizeram tanto Bruno quanto Victor. Muito sólidos. Quero parabenizá-los. Tomara que, de agora em diante, o Inter tenha essa solidez necessária para poder fazer uma boa Libertadores e crescer no Brasileirão. Há bons jogadores jovens, e também com experiência. Juntos podemos conquistar um título para o Inter.”

    Sentimento por chegar ao Inter

    “A verdade é que tenho muita vontade, desde o momento que me chamaram. É um enorme desafio e, como em toda equipe grande, a exigência é grande. Sei aonde estou chegando, o que quer a torcida e o que quer o Clube. Conheço perfeitamente esse Clube. É muito grande na América do Sul, no Brasil. Um Clube de exigência, com muitos torcedores apoiando.

    Conhecidos no Inter:

    “Sou amigo do Andrés (D’Alessandro), que já me chamou para jogar aqui, mas estava na Espanha e tinha contrato. Agora, quando surgiu a oportunidade, chamei ele, que me falou maravilhas daqui. O mesmo Victor e Renzo, que me falaram muito bem do clube e do grupo.”

    Primeiro contato:

    “Estou surpreso com tudo que encontrei aqui no Clube, por como trabalham todos no dia a dia. Desde o primeiro dia, me receberam muito bem, me trataram muito bem. Isso é muito importante. Estou com muita vontade de jogar, de trabalhar juntos, e quero agradecê-los pela recepção.”

    Imagens

    Fotos: Ricardo Duarte