• Notícias
  • Clube
  • Futebol
  • Serviços
  • Clube de Vantagens
  • Inter Store
    Associe-se

    Na penúltima rodada da Libertadores, Inter vence o Olimpia no Paraguai

    Na raça! O Clube do Povo superou o Olimpia por 1 a 0, na noite desta quinta-feira (20/05), em partida da quinta rodada do grupo B da Libertadores. Yuri Alberto marcou o gol da vitória colorada, resultado que leva o Inter, líder da chave, aos nove pontos na classificação.

    O Colorado encerra na próxima quarta-feira (26/05) sua participação nos grupos da América. No Beira-Rio, os comandados de Miguel Ángel Ramírez recebem o Always Ready-BOL, a partir das 19h. Antes disso, o Clube do Povo decide o título gaúcho contra o Grêmio, na Arena, às 16h deste domingo (23/05).


    Um tempo, dois jogos

    A história da primeira etapa pode ser dividida em dois capítulos. O primeiro, breve, durou 10 minutos, correspondentes ao início do confronto. Com espaços, o Inter conseguiu construir quatro incursões à área paraguaia, a mais perigosa em cabeceio de Thiago Galhardo, por detalhe não convertido em gol.

    A partir do momento em que encaixou seu sistema defensivo, o Olimpia passou a criar maiores dificuldades para a movimentação do ataque colorado. Ainda dono da bola, o Inter não conseguiu gerar novas oportunidades de perigo, ao passo que os paraguaios, em breves contra-ataques pelo corredor esquerdo, até assustaram, mas não o suficiente para alterar o marcador, inalterado na chegada o intervalo.


    Inter cancheiro!

    O Inter retornou com tudo para a etapa final. A exemplo do que ocorrera no primeiro tempo, os minutos que sucederam o apito de Pitana contaram com domínio colorado, sucedido, desta vez, não por encaixe da defesa adversária, mas sim expulsão do zagueiro Salcedo. A vantagem, que já existia nas ações do jogo, passava a existir também no número de atletas em campo.

    Com as entradas de Yuri Alberto e Mauricio, e depois Marcos Guilherme e Praxedes, o Clube do Povo construiu enorme blitz ofensiva diante do retraído Olimpia. Aguilar, em três ocasiões, até operou milagres decisivos para os donos da casa, mas nada pôde fazer quando Yuri, aos 37, acertou lindo chute de perna direita para abrir o placar.

    Consciente dos prejuízos decorrentes do tropeço, o Olimpia apostou no aspecto anímico para competir na reta final de partida. Pilhado, o time paraguaio suscitou um rodízio de cartões, que custou a presença de Yuri Alberto, amarelado duas vezes. No placar, contudo, o 1 a 0 colorado foi mantido até o fim. Grande vitória!


    Melhores momentos – primeiro tempo

    1min – Uh! Taison abre o jogo com Caio, que domina pela direita, corta para dentro e tenta rasteiro. A bola desvia em um primeiro jogador paraguaio e, na sequência, é cortada por Cáceres.

    6min – LOOOOOMBA! Recalde é lançado nas costas da zaga colorada e, cara a cara com o goleiro, finaliza. Marcelo abafa o arremate.

    7min – QUAAAAAAAAAAAAAAASE! Saravia recupera a posse na altura do meio de campo, a bola chega até Taison, e o camisa 10 tenta o gol que Pelé não fez. Ela saiu tirando tinta!

    9min – POR CIIIIIIIIIMA! Palacios recebe excelente assistência de Dourado, vai ao fundo, corta para a direita e cruza na medida para Galhardo. Thiagol cabeceia, livre, por cima.

    18min – CANTO BOLA! Moisés recebe pela esquerda da intermediária e, a poucos passos do retângulo paraguaio, solta o canhotaço. Aguilar espalma em escanteio.

    21min – Pra fora! Estigarribia recebe de Recalde e manda de canhota. Tiro de meta para o Inter.

    37min – Torres é servido por Estigarribia e, dentro da área colorada, pela esquerda, finaliza. Forte, ela sai por cima.

    39min – AMARELO! Edenilson faz fila, parte do campo de defesa, avança até as cercanias da grande área e é derrubado com falta. No chão, leva bolada de Iván Torres, que é punido com amarelo.

    45min – Mais um. Vamos a 46.

    46min – OPA! Galhardo escora cobrança de escanteio na primeira trave, a bola toma altura e quase trai Aguilar, que espalma de qualquer maneira.

    46min – Encerrado o primeiro tempo.


    Segundo tempo

    1min – NO POOOOOOOOOOOSTE! Edenilson cobra falta pela intermediária direita de ataque, Dourado sobe mais que a marcação e cabeceia para baixo. A bola explode na trave e retorna à área, mas o lance é paralisado por impedimento do camisa 13.

    2min – UH! Palacios lança Galhardo nas costas da marcação, o camisa 17 dispara em direção à área paraguaia e, pouco antes, tenta de canhota. A bola sai em curva, com enorme perigo.

    8min – AGUILAR! Inter roda a bola em frente à área paraguaia. De pé em pé, ela chega até Saravia, que cruza na segunda trave. Moisés consegue o desvio, endereçado ao contrapé do goleiro, mas ela sai com pouca força.

    9min – SAAAAAAAAAAAALVAS, TORRES! Edenilson, com muita visão, lança Caio nas costas da marcação. Em velocidade, o camisa 47 domina no peito, coloca na grama e, quando arremataria, sofre o desarme do lateral adversário.

    12min – No Inter, dupla troca. Entram Yuri Alberto e Mauricio, saem Galhardo e Palacios.

    13min – Três mudanças nos locais. Pitta, Camacho e Silva nas vagas de Recalde, González e Quintana.

    15min – AMARELOU! Yuri recebe de Mauricio e tenta o escape rápido, mas é derrubado por Salcedo.

    16min – Edenilson chega atrasado em Cáceres e recebe o amarelo.

    20min – NA RUA! Salcedo bloqueia arremate de Edenilson com a mão, muito aberta. Irregularidade ocorreu a centímetros da grande área mas, se o pênalti não veio, o segundo amarelo, sim.

    21min – AGUILAAAAAAAAAAAAAAAAAAAR! Cuesta cobra no canto do goleiro, que voa para espalmar. Milagre! No rebote, Cuesta recebe cruzamento e finaliza de direita, mas sem direção.

    24min – Santa Cruz vem, Estigarribia sai.

    25min – MILAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAGRE! Mauricio recebe de Taison, faz giro de pivô, invade a grande área e manda uma bomba. Aguilar defende de maneira espetacular.

    29min – Marcos Guilherme por Caio, Praxedes por Edenilson. Duas trocas no Colorado.

    33min – MEU DEUS DO CÉU! Taison lança Yuri, que escapa com campo aberto pela frente, entra na área e finaliza rasteiro. Aguilar encaixa.

    37min – GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOL DO INTERNACIONAL! YURI, YURI! GOL DO CLUBE DO POVO ALEGRIA DOS NOSSOS CORAÇÕES, DA ACADEMIA DO POVO! GOL DA JUSTIÇA! Inter armava blitz ofensiva no corredor esquerdo de ataque. Moisés tabela com Praxedes, vai ao fundo e cruza na segunda trave, na medida para Marcos Guilherme escorar. Yuri Alberto, centroavante matador, emenda de primeira, um balaço, indefensável para Aguilar. É GOL DO INTER!

    37min – Na comemoração do gol, Yuri levou o amarelo por tirar a camiseta.

    37min – Lindoso entra na vaga de Dourado. É a quinta troca de Miguel Ángel Ramírez.

    38min – LOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOMBA! Camacho cobra falta frontal, ela desvia na barreira e toma direção oposta. Goleiro colorado voa para espalmar em escanteio.

    42min – Cáceres amarelado por falta violenta em Taison.

    44min – Nestor Pitana acredita na simulação de Cáceres e indica segundo amarelo para Yuri.

    45min – Mais quatro. Vamos a 49.

    45min – Marcos Guilherme advertido por falta em Cáceres. Levou o amarelo.

    47min – Santacruz amarelado no lado paraguaio.

    50min – MEU PAI! Praxedes aplica um balão no marcador, invade a área, mas é travado por Santacruz, que levanta o meio-campista colorado.

    51min – FIM DE JOGO! VENCE O INTER!


    Ficha técnica:

    Olimpia (0): Alfredo Aguilar; Sergio Otálvaro, Luis Cáceres, Saúl Salcedo e Iván Torres; Hugo Quintana (Néstor Camacho), Braian Ojeda, Richard Ortiz e Marcelo Estigarribia (Jordan Santacruz); Jorge Recalde (Alejandro Silva) e Walter González (Isidro Pitta). Técnico: Sergio Orteman.

    Internacional (1): Marcelo Lomba; Renzo Saravia, Lucas Ribeiro, Victor Cuesta e Moisés; Rodrigo Dourado (Rodrigo Lindoso) e Edenilson (Bruno Praxedes); Caio Vidal (Marcos Guilherme), Taison e Carlos Palacios (Yuri Alberto); Thiago Galhardo (Mauricio). Técnico: Miguel Ángel Ramírez.

    Gols: Yuri Alberto, aos 37 minutos do segundo tempo (I).

    Cartões amarelos: Iván Torres, Luis Cáceres, Jordan Santacruz e Saúl Salcedo (O). Yuri Alberto, Mauricio e Edenilson (I).

    Cartões vermelhos: Saúl Salcedo (O). Yuri Alberto (I).

    Arbitragem: Néstor Pitana (ARG), auxiliado por Gabriel Chade (ARG) e Ezequiel Brailovsky (ARG). Quarto árbitro: Esteban Ostojich (URU).

    Estádio: Manuel Ferreira, situado em Asunción (PAR).

    Imagens

    Fotos: Ricardo Duarte