• Notícias
  • Clube
  • Futebol
  • Serviços
  • Clube de Vantagens
  • Inter Store
    Associe-se

    Copa do Brasil Sub-20: vaga na final escapa em Curitiba

    Colorado foi superado por 3 a 2 no Couto Pereira (Fotos: Jota Finkler)

    A gurizada do Celeiro de Ases insistiu até o fim, mas não conseguiu a classificação para a decisão da Copa do Brasil Sub-20. O time treinado por Fábio Matias empilhou chances, mas parou em grande atuação do goleiro adversário na tarde desta sexta-feira (4/6), na capital paranaense. Após empate em 1 a 1 no primeiro jogo da semifinal, o Inter foi batido por 3 a 2 pelo Coritiba no estádio Couto Pereira.

    O foco agora é no Campeonato Brasileiro da categoria. A equipe colorada faz sua estreia no final deste mês diante do Corinthians. A partida está marcada para o dia 27 de junho, em território paulista – ainda sem local definido.

    Donos da casa saem na frente

    Como de costume, o Celeiro de Ases iniciou o jogo buscando dominar a iniciativa e a posse de bola. Porém, o adversário aplicava uma forte marcação e dificultava a saída colorada. Aos 7min, Kaio Cesar cruzou na área e o centroavante Luizão subiu alto para o cabeceio: 1 a 0 para o time da casa.


    Reação colorada

    O time gaúcho não demorou a reagir. Aos 11 minutos, foi a vez do Inter cruzar na área acionando seu centroavante. Matheus Cadorini se esticou pra finalizar e Rafael Willian fez boa defesa. Pouco depois, não teve jeito: Vinícius Mello acertou bonito passe de ruptura buscando Cadorini entre a última linha de defesa. O camisa 11 não desperdiçou e bateu com categoria no cantinho.

    A partida seguia em ritmo intenso e não demorou para o placar ser mexido mais uma vez. Biel aproveitou o erro na saída de bola colorada e bateu no canto para colocar o Coxa na frente. O empate quase veio no final do primeiro tempo. Matheus Dias, que acabara de entrar, foi ao fundo e cruzou rasteiro para Cadorini, que desviou com a ponta da chuteira, mas a bola beijou a trave.

    Celeiro insiste

    O Colorado voltou com tudo na etapa complementar. Com menos de dois minutos já somava duas ocasiões de gol. Na terceira, a bola entrou. De novo com ele: Cadorini. O artilheiro tentou duas vezes, uma com a direita e outra com a esquerda, esta uma bomba sem chances para o goleiro. Pouco depois, o lateral Doigo Batista tentou simular um pênalti e recebeu o segundo cartão amarelo.

    Pressão de um lado, gol de outro

    Com um a mais, o Inter subiu o tom e passou a pressionar mais ainda, levando perigo em chutes Matheus Dias, duas vezes. Thauan Lara, que entrou no intervalo, aproveitava o espaço pela esquerda e também fazia Rafael Willian trabalhar. Pouco depois, Vini Mello recebeu de Cadorini e obrigou o goleiro a buscar no ângulo.

    Aos 25min, quase um golaço. Juan Cuesta tabelou com Matheus Dias, que devolveu de calcanhar para o colombiano chutar cruzado, mas a bola teimava em não entrar. Um duro golpe veio aos 35min, quando foi marcado pênalti após chute de Biel que parou no braço de Matheus Dias. O próprio camisa 10 converteu, colocando o Coxa na frente novamente. Por fim, o Colorado insistiu, mas coube ao goleiro Rafael Willian brilhar em defesas decisivas para a classificação paranaense.

    FICHA TÉCNICA:

    Coritiba (3): Rafael Willian; Diogo Batista, Thalisson Gabriel, Marcio Silva e Angelo; Maicky, Bernardo (Jean Gabriel) e Biel (Douglas Silva); Ruan Assis (Lucas Ronier), Kaio Cesar (Giovani Neurer) e Luizão (Iruan). Técnico: Cesar Bueno.

    Internacional (2): Anthoni; Vinicius Tobias (Pedrinho) (Cleberson), Tiago Barbosa, João Felix e Jonathan (Thauan Lara); Lucas Vital, Gustavo (Mathues Dias), Estevão (Murilo), Juan Cuesta (Vitinho) e Vinícius Mello; Matheus Cadorini. Técnico: Fábio Matias.

    Local: Couto Pereira, em Curitiba-PR

    Gols: Luizão (C), aos 7min/1T; Matheus Cadorini (I), aos 11min/1T e 3’/2T; Biel (C), aos 21min/1T e 37’/2T;

    Arbitragem: Robson Babinski, auxiliado por João Fabio Machado Brischiliari e Heitor Alex Eurich. Quarto árbitro: Elvio Kertelt Legnani.

    Imagens

    Crédito: Jota Finkler