Associe-se

Brasileirão Sub-20: com um a menos, Inter empata clássico em Eldorado

Gre-Nal de juniores terminou sem gols/Foto: Jota Finkler

Em duelo da sétima rodada do Brasileirão Sub-20, o Internacional, que atuou boa parte da segunda etapa com um jogador a menos, empatou sem gols com o Grêmio, na manhã deste sábado (23/07), em Eldorado do Sul. Com o resultado, o Celeiro de Ases chega aos 11 pontos na tabela e segue forte na luta por uma vaga na próxima fase. Pela competição, o Clube do Povo voltará a campo no próximo domingo (31/07), fora de casa, contra o Atlético-GO.


Adaptações no gramado encharcado

Foi o time da casa quem começou melhor o confronto, tirando proveito do campo pesado, com algumas poças d’agua, para pressionar nas bolas paradas. Logo aos dois, Kauan Kelvin cobrou falta aberta, a partir da quina esquerda da grande área, buscando o ângulo de Anthoni. Bem posicionado, o goleiro colorado espalmou pela linha de fundo. Na cobrança do escanteio, Freddy subiu mais alto do que a zaga vermelha e desviou para fora, mas também assustando.

Gramado pesado complicou a partida/Foto: Jota Finkler

A resposta colorada chegou aos 10. Depois de boa combinação pelo corredor central da intermediária de ataque, Matheus Dias esticou jogo com Allan Aniz, que cruzou na medida para Matteo. O camisa oito cabeceou consciente, mas parou em defesa segura do goleiro Arthur. Já aos 17, Gustavo derivou da direita para o centro e inverteu linda bola para Vitinho, que encheu o pé. Por pouco, ela saiu por cima.

O Grêmio seguiu explorando as bolas alçadas, e quase tirou o zero do placar no minuto 22. Depois de cruzamento da direita que atravessou toda a extensão da área colorada, Hiago teve liberdade para finalizar de bate-pronto, e mandou ao lado do poste direito de Anthoni. Aos 27, o Inter deu o troco na mesma moeda: Alisson cobrou escanteio fechado, Arthur tentou afastar de soco, mas cortou em cima da própria zaga, que sofreu para afastar.

Vitinho teve boa chance no primeiro tempo/Foto: Jota Finkler

Já no ocaso da primeira etapa, Allison bateu falta fechada pela ponta-esquerda de ataque, e o goleiro espalmou para impedir o gol colorado. Na sequência do lance, Ronald armou veloz contragolpe para o Grêmio e tentou de perna canhota, mas finalizou sem direção. Assim, o intervalo chegou com o placar ainda zerado.


Colorado supera a inferioridade numérica

Se o Grêmio assustou primeiro na etapa inicial, foi o Inter quem começou melhor após o intervalo. Servido por Vitinho, Lucca apareceu com espaço na área mandante, mas não conseguiu o melhor domínio, e foi travado na hora da finalização.

Lucca assustou no reinício do confronto/Foto: Jota Finkler

O lance acordou a equipe da casa, que antes dos 15 minutos exigiu dois milagres de Anthoni. O primeiro com o pé, diante de finalização cara a cara do atacante Hiago. Depois, o paredão voou de mão trocada para defender chute de Ronald.

Atingida a casa dos 20 minutos, o jogo teve seu roteiro completamente transformado. Inicialmente pelas substituições, com cada equipe mudando duas vezes – no Inter, Enzo e Kevin Quiñones entraram nas vagas de Allison e Gustavo. Pouco depois, Matteo recebeu o segundo cartão amarelo, deixando o Celeiro com um a menos no gramado.

Celeiro se defendeu bem na etapa final/Foto: Jota Finkler

O time de João Miguel ofereceu enorme aplicação tática como resposta à desvantagem numérica dentro de campo. A partir das entradas de Lukayan e Júnior, o Colorado armou bloqueio praticamente intransponível em frente a sua grande área, e tornou inoperante a posse de bola adversária. Jhonatan Kauan ainda veio a campo para manter o time com velocidade pelas pontas, e também contribuiu para a conquista de ponto importante em Eldorado do Sul.

Ficha técnica:

Inter (0): Anthoni; Allan Aniz, Samuel, Felipe e Rangel; Matheus Dias (Júnior), Matteo, Gustavo (Kevin Quiñones), Allison (Enzo) e Vitinho (Jhonatan Kauan); Lucca (Lukayan)

Cartões Amarelos: Milla e Cristiano (G). Matteo, Samuel e Felipe (I).

Cartão vermelho: Matteo (I).

Arbitragem: Jonathan Benkenstein Pinheiro, auxiliado por Luiza Reis e Fabricio Lima Baseggio. Quarta árbitra: Andressa Hartmann.

Estádio: CT Hélio Dourado-RS.

Imagens

Fotos: Jota Finkler/Internacional