• Notícias
  • Clube
  • Futebol
  • Serviços
  • Clube de Vantagens
  • Inter Store
    Associe-se

    Raio-X: as informações da 25ª rodada do Brasileirão

    Dia de Inter no Beira-Rio! O Clube do Povo recebe o Botafogo, a partir das 19h deste sábado (12/12), em partida da 25ª rodada do Brasileirão. Duelo de opostos na tabela, vale, para o Colorado, o reencontro com as vitórias em território nacional. Confira tudo sobre o confronto!


    Pra cima, Colorado!


    O time de Abel Braga está pronto para voltar a vencer no Brasileirão. O CT Parque Gigante recebeu, nesta sexta-feira (11/12), a última atividade colorada preparativa ao duelo diante do Botafogo, que contou com exercício tático responsável por encaminhar os prováveis titulares alvirrubros. No Beira-Rio, o Clube do Povo estará desfalcado do trio Mauricio, Pedro Henrique e Praxedes, convocado para período de treinos com a Seleção Sub-20. Musto, suspenso, também é baixa para o confronto.

    Lateral que registrou boas atuações nas duas últimas partidas disputadas pelo Colorado, Rodinei conversou de maneira exclusiva com a Mídia do Inter após o treino desta sexta. Experiente, o defensor, que no último ano atuava no Rio de Janeiro, projetou o confronto com o Alvinegro carioca e destacou a importância da vitória para as pretensões do Clube do Povo no Brasileirão. Confira:

    “Fizemos um grande jogo contra o Atlético-MG, que nos deu confiança para fazer aquela partida contra o Boca Juniors. O time vem numa crescente boa, a gente sabe que está há um tempo sem vencer no Brasileiro, mas tenho certeza que agora é o momento de dar uma arrancada. Vamos estar na briga até o final.”

    Rodinei


    Transmissão


    A Rádio Colorada abre transmissão para a partida deste sábado a partir das 18h, com o pré-jogo Portões Abertos. Às 18h45 chega a Jornada Esportiva, sucedida, ao soar do último apito do duelo, pelo Vestiário Vermelho. Através de entrevistas exclusivas e também coletivas, a atração repercute, em detalhes, o confronto recém-encerrado. Ouça a emissora oficial do Clube do Povo no FM 95,5 ou via Site e APP do Inter.

    Clique aqui para fazer o download do APP do Inter para Android

    Clique aqui para fazer o download do APP do Inter para IOS

    As redes sociais do Inter (@scinternacional no TwitterInstagram Facebook) apresentarão o mais completo minuto a minuto da internet, repleto de imagens compartilhadas de maneira instantânea. Na TV, o Premiere transmite com exclusividade.


    O Rival


    Correndo contra o tempo para voltar aos trilhos, o Botafogo contará com estreia diante do Inter. Anunciado como novo técnico alvinegro ainda no fim de novembro, Eduardo Barroca, plenamente recuperado de Covid-19, estará na casamata alvinegra neste sábado. Quinto nome a ocupar o comando da Estrela Solitária em 2020, o profissional busca, no Beira-Rio, dar fim a uma amarga sequência de seis derrotas consecutivas.

    Botafogo perdeu as últimas seis partidas/Foto: Thiago Ribeiro, Botafogo

    O Botafogo inaugurou o ano de 2020 sob o comando de Alberto Valentim. Ainda no mês de fevereiro, porém, o profissional foi substituído por Paulo Autuori, que comandou o Alvinegro até outubro. Na sequência, o time da estrela solitária primeiro efetivou Bruno Lazaroni e, logo depois, contratou Ramón Diaz, treinador de rica história no futebol sul-americano, mas que, impossibilitado por problemas de saúde, não chegou a assumir a casamata carioca.

    Filho de Ramón, Emiliano foi quem esteve à frente do Glorioso nas três partidas em que a comissão técnica de Diaz trabalhou em General Severiano. Após três reveses, todavia, veio nova mudança e, com ela, Eduardo Barroca.

    Eduardo Barroca é o novo técnico do Glorioso/Foto: Vitor Silva, Botafogo

    A última vitória conquistada pelo Botafogo já data mais de dois meses. No dia 11 de outubro, o Alvinegro derrotou o Sport, na Ilha do Retiro, por 2 a 1. Duelo da 15ª rodada do Brasileirão, contou com gols de Honda e Caio Alexandre para o Glorioso. Desde então, o time da estrela solitária sofreu sete derrotas e obteve dois empates. Atuais vice-lanternas com 19 pontos, os comandados de Barroca têm a quarta pior defesa do Nacional, vazada em 34 ocasiões.

    Caio Alexandre é um destaque positivo em General Severiano/Foto: Vitor Silva, Botafogo

    Na última vez que foi a campo, o Botafogo sofreu acachapante goleada do São Paulo. Disputado na quarta-feira passada (09/12), o duelo, atrasado da 18ª rodada do Brasileirão, foi encerrado com vitória de 4 a 0 dos locais. Brenner, duas vezes, Reinaldo e Hernanes marcaram em cima de um Alvinegro completamente nocauteado, que ainda teve Marcelo Benevenuto expulso e Forster amarelado pela terceira vez consecutiva.

    Japonês Honda deve enfrentar o Inter/Foto: Vitor Silva, Botafogo

    Com a defesa bastante desfalcada, portanto, o Glorioso chega ao Beira-Rio. A provável escalação alvinegra para o duelo diante do Inter conta com Diego Cavalieiri; Kevin, Kanu, Helerson e Victor Luís; José Welison, Caio Alexandre e Honda; Warley, Bruno Nazário e Pedro Raul. Salomon Kalou, Matheus Babi e Lecaros correm por fora na briga por vaga no ataque carioca.


    Situação de tabela


    O Clube do Povo chega para a 25ª rodada do Nacional na sexta colocação. Dono de 38 pontos, o Colorado pode, em caso de vitória, assumir o quarto lugar, atualmente ocupado pelo Grêmio. Para tanto, o rival, que soma 40 pontos, não pode derrotar o Goiás. Em Goiânia, o duelo entre azuis e esmeraldinos ocorre neste sábado (12/12), a partir das 21h. Além disso, o Fluminense, quinto com 39, também precisaria, no máximo, empatar com o Vasco. O Tricolor das Laranjeiras visita São Januário no domingo, às 20h30.

    Empate diante do Botafogo impediria o Inter de alavancar posições na rodada. Mais do que isso, o resultado deixaria o Clube do Povo ao alcance de Santos e Palmeiras – desde que a dupla triunfe em seus compromissos. O Porco recebe, também às 19h de sábado, o Bahia, enquanto o Peixe visita o Flamengo, em partida marcada para as 16h do domingo. Triunfo carioca no Beira-Rio permitiria à dupla paulista, que soma os mesmos 38 pontos do Colorado, ultrapassar os comandados de Abel Braga em caso de empate vermelho. Confira os oito primeiros do Brasileirão:

    PJVEDGPGCSG
    1 – São Paulo50241482422022
    2 – Atlético-MG43241347433112
    3 – Flamengo4223126538317
    4 – Grêmio402310103322012
    5 – Fluminense3924116734268
    6 – Inter38241086352411
    7 – Palmeiras38231085332310
    8 – Santos3824108636297

    Já o Botafogo chega em desespero para o duelo do Beira-Rio. Vice-lanterna com 20 pontos, um a mais do que o Goiás, último, o time carioca já soma cinco a menos do que o Sport, primeira equipe fora do Z4. Além do risco de encerrar a rodada no extremo inferior da tabela, um tropeço no Beira-Rio pode afastar ainda mais o clube de General Severiano de seus rivais diretos.

    Dono de 24 pontos, o Vasco abre a zona de rebaixamento e é a única equipe em condições de ultrapassar o Rubro-Negro de Recife neste final de semana. Uma hipotética vitória destas duas equipes, por exemplo, deixaria os comandados de Eduardo Barroca a sete pontos do adversário carioca e a oito do Leão da Ilha.


    Arbitragem


    Caio Max Augusto Vieira apita, auxiliado por Jean Marcio dos Santos e Vinicius Melo de Lima, trio do Rio Grande do Norte. VAR: Igor Junio Benevenuto de Oliveira, de Minas Gerais.


    Retrospecto colorado


    O Clube do Povo triunfou em 27 dos 75 confrontos que já disputou contra o Botafogo. Os cariocas, por outro lado, somam 21 vitórias, enquanto os empates igualam o número de vezes em que o Inter saiu vencedor do duelo. Ao todo, o Colorado registra 97 tentos anotados no Alvinegro, rival que vazou as redes alvirrubras em 93 ocasiões.


    Último encontro


    Inter e Botafogo duelaram, no dia 29 de agosto de 2020, em partida da sexta rodada do Brasileirão. No Estádio Nilton Santos, Thiago Galhardo e Boschilia marcaram, ainda no primeiro tempo, os gols da vitória do Clube do Povo por 2 a 0. Maiúsculo, o resultado fez justiça à madura atuação colorada, responsável por encerrar a invencibilidade até então ostentada pelos cariocas no Nacional.