Associe-se

Força aérea resolve: com gols de Lelê e Sorriso, Gurias estreiam com vitória no Brasileirão A1

Gurias venceram na primeira rodada do Brasileirão/Foto: João Callegari

Vitória das Gurias! Em duelo da primeira rodada do Brasileirão A1, o Clube do Povo venceu o Cresspom-DF por 2 a 1, no Sesc Protásio Alves, nesta tarde de sábado (05/03). Lelê e Sorriso marcaram os gols das coloradas, que voltam a campo às 15h do próximo domingo (13/03), diante do Esmac-PA, em Belém.


Trio de ataque brilha

Trio de Lelê (E), Millene e Fabi brilhou no primeiro tempo/Foto: João Callegari

O primeiro tempo foi de domínio completo das Gurias Coloradas. Escalado com postura bastante ofensiva, refletida no sexteto formado por Djeni, Duda Sampaio, Maiara, Fabi Simões, Lelê e Millene, o Inter encurralou desde cedo as visitantes em seu campo defensivo, imprimindo intensa e ininterrupta blitz, reiniciada a cada desarme feito já nas cercanias da área rival. Nesse contexto, a primeira chance do Clube do Povo surgiu aos 11.

Ainda do corredor direito de defesa, Capelinha percebeu Fabi Simões com espaço e lançou a sete, que cruzou bola rasteira e perigosa. Livre, Millene foi inteligente para se desmarcar, mas finalizou, da marca do pênalti, por cima. Pouco depois, a própria Capela decidiu arriscar diante do vazio, e acertou chute forte no travessão. Pelo chão, tudo indicava, a teimosia do destino não ajudaria a tirar o zero do placar. Que se apostasse na bola áerea!

Capelinha acertou bonito chute no travessão/Foto: João Callegari

Já atuando pela ponta esquerda, Fabi investiu contra a marcação e, aos 22, cruzou bola fechada que a goleira espalmou para dentro da grande área. Na segunda trave, Millene assumiu a responsabilidade do rebote, gingou para a perna direita e arrematou com força. No poste! Seis minutos mais tarde, Duda cobrou falta que Belinha, na primeira trave, cabeceou consciente. No chão, a goleira Leticia voou para salvar.

Aos 29, a teimosia da zaga do Cresspom agiu pela última vez. No segundo poste, Lelê levou a melhor sobre a defesa e desviou no contrapé da goleira, que, batida, teve como única reação os festejos ao corte de Nath Pitbull, decisiva para fastar o perigo em cima da linha. A comemoração, no entanto, durou pouco. Seis minutos mais tarde, a camisa nove não deu chance alguma para o azar.

Lelê (C) comemora com Maiara (E) e Djeni (D)/Foto: João Callegari

Envolvente e entrosado, o trio de ataque colorado agiu com harmonia pela esquerda. De costas para o gol, na altura da quina da grande área rival, Millene encontrou lindo passe para Fabi, que sequer dominou antes de cruzar com a canhota. Na segunda trave, Lelê, como se fora um rolo compressor, acertou testaço consciente, embora já estivesse agachada, para estufar as redes. Fim de papo no primeiro tempo, Inter 1 a 0 no placar!

Primeiro tempo foi encerrado com 1 a 0 para o Inter/Foto: João Callegari

Um gol para cada lado

O Cresspom retornou com mudança para a etapa final, a partir da entrada de Keke no lugar de Moara, mas a substituição foi incapaz de surtir efeito antes do segundo gol colorado. No exato instante em que o relógio completou sua primeira volta após o reinício do confronto, Sorriso recebeu cruzamento teleguiado de Duda e mostrou estar atenta aos sinais do jogo para acertar cabeceio fulminante, que explodiu no poste superior antes de quicar dentro do gol brasiliense. Golaço!

Sorriso ampliou no reinício de partida/Foto: João Callegari

A vantagem colorada foi reduzida aos cinco, quando Isa recebeu bom passe de Dani Batista e, da entrada da área, descontou em chute forte e rasteiro. A resposta das Gurias ao gol adversário apareceu segundos após a saída de bola no meio de campo, já que, do grande círculo, Djeni lançou Fabi pela direita, e a ídola acelerou para deixar a marcação para trás antes de cruzar em direção a Lelê. De primeira, a centroavante mandou por cima.

Apesar da chance despediçada pelas Gurias, que poderia arrefecer o ímpeto adversário, a verdade é que o gol serviu de importante estímulo para o Cresspom, que passou a somar crescente posse de bola. Atento ao bom momento visitante, Maurício Salgado tratou de usar o banco de reservas, realizando três trocas de uma só vez. Haas, Zóio e Mileninha deram uma nova cara às Gurias, que passaram a atuar no esquema 3-5-2. Logo depois, Tamara entrou na ala-direita, atualizando de maneira definitiva o novo desenho alvirrubro.

Gol da zagueira garantiu a vitória/Foto: João Callegari

A elevada temperatura registrada na capital gaúcha, onde a sensação térmica superou a casa dos 40ºC, também foi protagonista da segunda etapa, contribuindo para um desenrolar bastante truncado do jogo até a casa dos 20 minutos. Somente aos 25, por exemplo, a partida voltou a conviver com finalizações perigosas, a primeira delas de autoria do Cresspom, que assustou com Keke. Mais tarde, quem teve boa chance foi Millene, mas seu chute, que tirou tinta do poste, não quis morrer nas redes.

Já na reta final de confronto, Tamara justificou o porquê de ser apelidada como Bolt. Diante do visível desgaste da equipe rival, que precisou realizar quatro trocas por exaustão, a camisa 30 descolou dois importantes arranques pelo corredor direito, ambos finalizados por Mileninha, que por pouco não marcou. Já quando tentou decidir, a velocista ala-direita foi travada por milagre da goleira. Duda, na outra chance criada pelo Inter antes do apito final, também levou perigo, mas mandou bonito chute, que buscava o ângulo, pela linha de fundo. Fim de jogo, vitória das Gurias!


Ficha técnica:

Internacional (2): Mayara; Capelinha (Haas), Bruna Benites, Sorriso e Belinha; Djeni, Duda e Maiara (Zóio); Fabi Simões (Tamara), Lelê (Mileninha) e Millene. Técnico: Maurício Salgado.

Cresspom-DF (1): Leticia; Buga, Camila (Silvana), Bruna Amarante e Dy Menor; Nath Pitbull, Patricia (Eliane), Thaynara e Isa (Silvânia); Moara (Keke) e Dani Batista (Michele). Técnico: Robson Marinho.

Gols: Lelê, aos 35’/1ºT, e Sorriso, a 1’/2ºT (I). Isa, aos 5’/2ºT (C).

Cartões amarelos: Zóio e Isabela (I). Dani Batista (C).

Arbitragem: Andressa Hartmann, auxiliada por Luiza Naujorks Reis e Ariela Duarte da Silveira. Quarto árbitro: Francisco Soares Dias.

Estádio: Sesc Protásio Alves.

Imagens

Fotos: João Callegari